Avatar

Além do Cabelo
Câncer não é escolha. Bom humor é.

15.ago.2018

Conheça a Casa Camaleão – centro de convivência para pessoas com câncer

Por Flavia Maoli Nenhum comentário , , , , , , , , , ,

Quem me acompanha há algum tempo sabe que eu tenho uma grande paixão chamada Projeto Camaleão. O Camaleão surgiu em 2014, quando conheci Bruno e Leon, dois amigos que queriam fazer algum projeto social, viram meu blog e se encantaram. De lá pra cá, atendemos muitas pessoas com câncer através de Feiras de Autoestima, eventos, palestras, e do Calendário Camaleoas contra o câncer.

 

Capa do Calendário Camaleoas contra o Câncer 2018. Foto: Jean Pierre Kruze Arte: Vera Carlotto Modelo: Cristiane Meneses

 

Até que, em março do ano passado, decidimos dar um passo além e montar uma sede física para o nosso querido Camaleão! Para isso, fizemos um financiamento coletivo – que contou com a ajuda de mais de 400 pessoas e arrecadou R$37.500! Foi um sucesso!

Conseguimos alugar uma casa bacana, e depois de uma looooonga reforma, finalmente inauguramos a Casa Camaleão – Autoestima contra o Câncer, em março de 2018. Fizemos uma festa super bacana para mais de 200 convidados, uma verdadeira celebração!

 

O dia do lançamento da Casa Camaleão foi mega bombado! Muita felicidade ver tanta gente querendo conhecer o espaço!

 

A Casa Camaleão fica na rua Giordano Bruno, 82, em Porto Alegre. (foto: Katiele Radünz)

 

A Casa Camaleão é um centro de convivência para pessoas diagnosticadas com câncer e seus familiares. Lá você encontra banco de perucas, banco de lenços, chapéus e acessórios, pode participar de grupos terapêuticos (tanto para pacientes quanto para familiares), aulas de yoga, receber reiki, fazer cursos e assistir palestras sobre diversos assuntos. Já tivemos cursos de tricô, crochê, escrita criativa, fotografia, design de jóias, mandalas, física quântica… São atividades que reforçam a autoestima e promovem a reinserção social de quem está ou esteve enfrentando o câncer. Atendemos desde o diagnóstico até 5 anos após o mesmo – mesmo que a pessoa não esteja mais em tratamento – pois sabemos que o “depois” também é difícil!

 

Essa é a sala das mudanças físicas, onde acontecem aulas de automaquiagem, consultoria de imagem, banco de perucas, lenços, chapéus e acessórios e consultoria de perucas com especialista. Tudo de graça para pacientes! (foto: Katiele Radünz)

 

Além de levar um lenço de presente, você pode agendar um horário para aprender sobre amarrações! Demais, né? (foto: Katiele Radünz)

 

Consultório para atendimento psicológico individual (foto: Katiele Radünz)

 

Sala multiuso para grupos terapêuticos (de pacientes e de familiares), yoga, reiki, cursos e palestras

 

Além destas atividades também existe o Brechó da Casa, brechó beneficente com peças e preços excelentes, com curadoria de Ana Avila, cuja renda ajuda na manutenção das atividades. (foto: Katiele Radünz)

 

Além de promover o encontro de pessoas que estão passando por situações parecidas, a Casa Camaleão e suas atividades também funciona como um gatilho para mudanças de vida – seja ter um olhar mais otimista sobre o tratamento até realmente descobrir um talento em um dos cursos oferecidos!

 

Aula de automaquiagem rolando! É grátis – e é só agendar seu horário!

 

As atividades são gratuitas para quem foi diagnosticado com câncer há até 5 anos – e são abertas ao público também, que paga um valor reduzido e ajuda a manter a Casa Camaleão funcionando.

 

Pessoal no curso de encadernação manual com voluntariado da Fuzina Oficinas

 

Quer saber mais? Faça uma visita! A Casa Camaleão fica na Rua Giordano Bruno, 82, bairro Rio Branco, em Porto Alegre. Ela funciona de segunda a sexta das 9 ao meio dia e das 14 às 18 horas! Contatos: (51) 3105 3108 ou contato@projetocamaleao.com 

 

Voltar

Relacionados

  • Como cuidar da pele durante o tratamento Leia Mais
  • Como misturar estampas Leia Mais
  • Touca gelada reduz queda de cabelo em pacientes com câncer Leia Mais

COMPARTILHE


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *