Avatar

Além do Cabelo
Câncer não é escolha. Bom humor é.

03.nov.2015

Dica da Nutri: Alimentação x Câncer de Próstata

Por Nutri Fernanda Bortolon Nenhum comentário , , , ,
No Novembro Azul, mês mundial de combate ao Câncer de Próstata, não poderia deixar sobre a alimentação e seus aspectos contra esta doença.
NUTRI ca prostata
O câncer de próstata é o segundo tipo mais comum de câncer em todo o mundo depois do câncer de pulmão.  No Brasil, o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens (atrás apenas do câncer de pele não-melanoma). Em valores absolutos, é o sexto tipo mais comum no mundo e o mais prevalente em homens, representando cerca de 10% do total de cânceres. Sua taxa de incidência é cerca de seis vezes maior nos países desenvolvidos em comparação aos países em desenvolvimento. A etimativa de novos casos para este ano é 68.800. É muita gente, não?

Já está comprovado que manter o peso saudável e uma dieta rica em frutas, verduras, legumes, grãos e cereais integrais evitando gorduras, principalmente as de origem animal – ajudam a diminuir o risco de câncer de próstata.
Alguns componentes da alimentação que agem tanto como fatores preventivos quanto como fatores de risco vêm ganhando cada vez mais destaque na mídia e no combate à doença. Conforme a Revista Nutrition & Metabolism, o consenso sobre os aspectos nutricionais e alimentação são:

 

1. Carne Vermelha

A ingestão de carne vermelha está associada ao aumento do risco de câncer de próstata – o consumo seguro deve ser limitado a 500 gramas por semana.

 

2. Gorduras

A alta ingestão de gordura está relacionada ao aumento de risco de câncer de próstata. Ácidos graxos, principalmente gorduras saturadas e ácido linoleico, devem ser evitados – se não puderem ser cortados totalmente da dieta.

 

3. Leite e derivados

O consumo de leite e seus derivados integrais parece estar associado ao aumento das chances de desenvolver câncer de próstata. Sua ingestão deve ser reduzida.

 

4. Tomate

O consumo diário de tomates e produtos não industrializados à base de tomate tem caráter preventivo para o câncer de próstata. Um estudo britânico apontou que homens que consumirem mais de dez porções de tomate por semana podem reduzir em 20% os riscos de câncer de próstata.

 

 5. Vegetais crucíferos

Repolho, brócolis, couve, couve-flor, couve de bruxelas, nabo, agrião, rabanete e mostarda são vegetais altamente benéficos se consumidos diariamente e combinados entre si – lembre-se que variedade é muito importante para uma dieta balanceada!

Macho esperto não deixa de comer seus vegetais!

 6. Romã

Segundo os estudos, há evidências de que a romã tem um papel importante na prevenção e no retardamento da progressão do câncer de próstata – porém são necessários mais estudos para comprovar essas evidências. Por via das dúvidas, não custa adicionar essa frutinha à lista da feira, né?

 7. Selênio

A suplementação de Selênio não é recomendada na prevenção do câncer de próstata e níveis muito elevados pode ser fator pró-cancerígeno – por isso, muito cuidado!

 

 8. Conclusão:

Escolha uma alimentação saudável e variada. Opte pelos alimentos orgânicos, evite os produtos industrializados, carnes gordas e leite e derivados integrais. Inclua cereais integrais, sementes e grãos em sua alimentação. Coma Comida de Verdade!
Abraços, 
Nutri Fernanda Bortolon
Voltar

Relacionados

  • A polêmica da carne – o que você precisa saber Leia Mais
  • Respiração Holotrópica – um método de autoconhecimento Leia Mais
  • Receitinha: requeijão vegano de manjericão Leia Mais

COMPARTILHE


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *