Avatar

Além do Cabelo
Câncer não é escolha. Bom humor é.

04.ago.2015

Dica da Nutri: conexão intestino-cérebro

Por Nutri Fernanda Bortolon 1 Comentário , , , , , , ,

Oi, pessoal! Tudo certo por aí? Hoje nós vamos falar de um assunto muito importante e que poucas pessoas conhecem!

Vocês sabiam que o nosso intestino é conhecido como o SEGUNDO CÉREBRO?! É isso mesmo! O intestino determina, em grande parte, nossas emoções, estado mental e até preferências alimentares. A saúde cerebral depende da saúde do intestino.

#chocada

 

O intestino tem mais neurônios que a medula espinhal – cerca de 100 milhões – perdendo em número de neurônios apenas para o próprio cérebro. Além disso, nosso intestino fabrica muito mais serotonina que o próprio cérebro – para ser mais exata, 95% da serotonina é fabricada e armazenada no intestino.

Serotonina é um neurotransmissor – substância química fabricada pelos neurônios e que possui papel vital na transmissão e processamento das informações e estímulos sensoriais através dos neurônios. Além da serotonina, o intestino fabrica e utiliza mais de 30 neurotransmissores – substâncias envolvidas na transmissão e processamento das informações pelos neurônios, tanto do intestino quanto do cérebro.

Ao mesmo tempo, esses mesmos neurônios e neurotransmissores, em conjunto com os do cérebro, fazem parte da rede neural responsável pela conexão entre o bem-estar emocional e o bem-estar físico e mal estar.  Neurotransmissores como a serotonina conectam o que acontece no cérebro com o que acontece no intestino e vice-versa.

Quase todo mundo que sofre de doenças crônicas envolvendo o cérebro – como depressão, pânico, ansiedade, enxaqueca, etc – sofre também de problemas no sistema digestivo em maior ou menor grau, como constipação intestinal, síndrome do intestino irritável e intolerâncias alimentares.Emoções extremamente fortes podem causar desde “frio no estômago” até diarreia e vômitos. Quantos de nós não lembramos de pelo menos um dia muito importante, na infância ou adolescência – pode ter sido uma viagem muito esperada, um prêmio muito antecipado, um final decisivo de torneio ou competição, ou até uma prova escolar – onde, justamente naquele dia, aconteceu uma diarreia e/ou vômito “inexplicável”?

Quem nunca?

 

Conclusão: para existir saúde plena, o intestino tem que funcionar bem.

Preste atenção nos sintomas intestinais e suas emoções!!! O funcionamento do intestino também é o resultado das nossas emoções!

Procure um Nutricionista para te ajudar, através de uma alimentação adequada com nutrientes específicos e suplementação ajustar e/ou tratar seu intestino e consequentemente melhorar sua qualidade de vida.

 

 

Um beijo,

 

Nutri Fernanda Bortolon

 

Fonte da informação: site dr. Alexandre Feldman 

 

 

Voltar

Relacionados

  • Problema de memória? Você pode estar com “chemo brain” Leia Mais
  • A polêmica da carne – o que você precisa saber Leia Mais
  • Respiração Holotrópica – um método de autoconhecimento Leia Mais

COMPARTILHE


Uma resposta para “Dica da Nutri: conexão intestino-cérebro”

  1. Letícia disse:

    Muito importante este texto. Há um tempo venho pesquisando sobre o funcionamento do nosso corpo e a importância da alimentação, e descobri um livro chamado ” O segundo cérebro” ,que trata deste assunto. Infelizmente este é muito caro e raro, mas tem um outro, chamado ” O cérebro desconhecido”, escrito pelo Dr. Helion Povoa, que fala sobre isso também. É muito importante sabermos que os produtos industrializados causam irritação no nosso intestino e que isso gera muitas doenças!
    Este livro do Dr. Helion Povoa foi uma descoberta importante pra mim e me apresentou bons motivos pra me alimentar bem.

    Estão de parabéns de novo meninas.
    O que escrevem aqui não serve somente para quem teve câncer, mas sim pra todos.
    Beijo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *