Avatar

Além do Cabelo
Câncer não é escolha. Bom humor é.

20.ago.2015

História de um Cabelo – parte V

Por Flavia Maoli 3 Comentários , , , , , ,

Quem acompanha o blog há algum tempo deve lembrar que já contei aqui a história do meu cabelo. Pra quem não leu, aqui vai a parte I (antes e depois do meu primeiro tratamento, em 2011), a parte II (crescendo em 2012 e início de 2013) , a parte III (quando meu cabelo caiu por causa do segundo tratamento)  e parte IV (cabelito crescendo depois do transplante de medula).

A quarta parte foi publicada em 23 de julho de 2015 – shame on me, só agora parei para escrever a parte V dessa linda história de amor! Hehehe

 

Em julho de 2014, meu cabelinho estava como na foto abaixo. Os fios nasceram meio grossos e espetados, mas aos poucos foram ficando mais macios  – e os cachinhos foram aparecendo.

HC a

 

 

Em agosto meu cabelo já estava totalmente cacheado e rebelde! Foi o mês em que fui passear no Rio (ai, que saudade!), de minha primeira palestra e consegui colocar pela primeira vez um grampinho no cabelo!

 

Cacheadíssima!

De frente ele até ficava ondulado, mas de costas dava pra ver que eu estava cacheadíssima!

 

Indo pra primeira palestra, felizona de cabelo cachopinha!

Indo pra primeira palestra, felizona de cabelo cachopinha!

 

Um grampinho pra chamar de meu: que felicidade!

Um grampinho pra chamar de meu: que felicidade!

 

Em setembro de 2014 eu já conseguia formar uma franjinha no meio da testa, como na foto abaixo!

 

Amèlie Poulain feelings!

Amélie Poulain feelings!

 

Em outubro finalmente tomei coragem e fiz meu primeiro corte de cabelo pós transplante – eu só tinha raspado a cabeça em fevereiro do mesmo ano para gravar o vídeo de divulgação do Projeto Camaleão.

 

Meu cabelinho, eu e meu cabeleireiro Paulo Cesar (sou fiel, só corto com ele!).

Meu cabelinho, eu e meu cabeleireiro Paulo Cesar (sou fiel, só corto com ele!).

 

No início de novembro participei do TEDxUnisinos 2014. Resolvi ir de cabelo “ao natural” – tentei colocar uma tiarinha, até pensei em fazer chapinha, mas não quis arriscar tentar uma novidade.

 

Fiz cosplay de anjinho! Hehehehe

Fiz cosplay de anjinho! Hehehehe

 

Pra não dizer que tudo são flores, às vezes meu cabelo decidia acordar quase liso - e pra cima, claro!

Pra não dizer que tudo são flores, às vezes meu cabelo decidia acordar quase liso – e pra cima, claro!

 

Em dezembro já rolava alisar a franja e prender a lateral com grampinhos – o que me permitiu variar o visual para os eventos de fim de ano!

 

HC dez 14

 

 

 

Em janeiro de 2015 aconteceu algo muito engraçado. Eu estava em casa escrevendo no blog quando senti um negócio encostando no meu pescoço. Dei um tapa rápido para matar logo o bicho que me picava, e aí percebi que era meu próprio cabelo que já encostava na nuca! Hahahaha

 

HC janeiro 15

Janeiro de 2015.

 

Em fevereiro minha franja já estava gigante! Um dia fui alisá-la para uma festa e percebi que ela já passava da altura dos olhos – fiquei super feliz!

 

Franjão!

Franjão!

 

Em março ganhei do meu cabeleireiro um super presente de aniversário: corte e hidratação! Paulo Cesar fez uma espécie de relaxamento (light) que deixou meu cabelo super macio e fácil de domar. A franja ficou mais organizada – o efeito durou mais um menos um mês!

 

HC março 15

Segundo corte de cabelo: check!

 

Em abril de 2015 eu finalmente – FINALMENTE! – consegui fazer um rabinho de cavalo prendendo todo o cabelo!!! Iupiiiiiii!

 

Quem já esperou o cabelo crescer sabe como é bom chegar nesse momento!!!! Fiquei super orgulhosa, só queria sair de rabinho de cavalo! Hahahaha

 

Rabinho esquisito mas é meu! Hahaha

Rabinho esquisito mas é meu! Hahaha

 

Confesso que ainda não estou acostumada com o rabo de cavalo – me dá dor de cabeça e um certo cansaço, como se o cabelo estivesse pesando! Só uso pra fazer exercícios físicos ou quando o cabelo tá tinhoso!

HC 5 01

 

Essa foi a parte V da História de um Cabelo – gostaram? Em breve conto como foi de abril até…. até dezembro desse ano? Pode ser?

 

Beijão, 

 

Flavi 

 

Voltar

Relacionados

  • Touca gelada reduz queda de cabelo em pacientes com câncer Leia Mais
  • Respiração Holotrópica – um método de autoconhecimento Leia Mais
  • Projeto Camaleão lança financiamento coletivo para criação de sua sede Leia Mais

COMPARTILHE


3 respostas para “História de um Cabelo – parte V”

  1. Cláudia disse:

    Olá querida! Acompanho sempre o seu blog. Tem me ajudado muito. Tive LNH ano passado e acabei a quimio em Dezembro. Meu cabelo está crescendo, mas muito rebelde, enrolado e cheio, não estou sabendo domá-lo. Queria saber que relaxamento light foi esse q VC fez. Meu hematologista me proibiu de usar qualquer química.
    Obrigada por sua atenção e continue sendo essa inspiração na vida dessas guerreiras lindas.
    Bj
    Cláudia Provenzano

    • Flavia Maoli Flavia Maoli disse:

      Olá, Claudia! Muito obrigada pelo carinho 🙂 Olha, como eu ganhei de presente do meu cabeleireiro foi ele quem escolheu, vou perguntar pra ele certinho. Mas se o seu hemato ainda não liberou para química, é melhor não arriscar! Sua imunidade pode não estar 100% e acabar dando alguma complicação! O jeito é usar cremes, ir hidratando e cortando para o cabelo crescer forte 🙂 Beijoo

  2. […] Então, a última parte terminou em abril de 2015 – quando eu ainda estava me acostumando com a ideia de usar rabo de cavalo – clique aqui para ler! […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *